sexta-feira, 10 de setembro de 2010

CRAQUES DO PASSADO - MURILO SILVA

Para muitos que puderam vê-lo jogar, o mineiro de Paraopeba Murilo Silva foi o maior zagueiro Brasileiro depois de Domingos da Guia. Desarmava os zagueiros com a precisão de um cirurgião, sem fazer faltas. Em 1950 o Corinthians contratou-o junto ao Atlético Mineiro, clube que Murilo defendia desde 1944.

(No Atlético Mineiro em 1949)

 Sua estréia no Timão aconteceu em 26 de março de 1950 num amistoso contra o time do Tupinambás na cidade mineira de Juiz de Fora. Em 1951 sagra-se Campeão Paulista atuando como titular da zaga alvinegra. Em julho de 1952 durante a II Copa Rio, Murilo  contundiu-se seriamente no joelho após lance com o jogador do Peñarol Míguez . Ficaria afastado do futebol por 8 meses para tratar do rompimento de um ligamento, e de uma lesão meniscal. Quando retornou em 1953, não conseguiu repetir mais seu belo futebol, mas mesmo assim participou da vitoriosa campanha do Torneio Rio-São Paulo de 1954. No mesmo ano despede-se do Timão após disputar 126 partidas, e retorna para o Atlético Mineiro, onde ficaria até 1956.
Apesar de ser zagueiro, Murilo nunca foi expulso, fato que lhe rendeu o prêmio Belfort Duarte que era destinado aos jogadores mais disciplinados.
Murilo faleceu em junho de 1998 aos 77 anos de idade.

(Campeão Paulista de 1951)

Em 2008, foi idealizada em sua homenagem a Copa Murilo Silva de Futebol Society que já se encontra em sua 4ª edição.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.