terça-feira, 6 de abril de 2010

CORINTHIANS CAMPEÃO PAULISTA E BRASILEIRO DE 1999

Pela primeira vez, o Timão consegue na mesma temporada, ser Campeão Paulista e Brasileiro.
No Paulistão, com goleadas de 5 x 1 contra o Santos, 4 x 0 contra o São Paulo, e 3 x 0 contra o Palmeiras na 1ª partida das finais, o Timão entrou em campo no dia 20 de junho precisando apenas de um empate para conquistar seu 23º título paulista.
Quando o jogo estava em 2 x 2, Edilson resolveu tirar um sarro da cara dos Palmeirenses, fazendo embaixadinhas. Irritados, os jogadores do Palmeiras foram com tudo para cima do "capetinha", transformando a partida em um palco de luta livre. A partida que já estava nos 31 minutos do 2º tempo quando a briga começou, foi encerrada, e o Timão pode comemorar mais um título.
Após um empate (2 x 2) contra o Palmeiras, com direito a embaixadinha do "Capetinha" Edilson, o Timão conquistou seu 23º título Paulista.

(Edilson correndo atrás de Paulo Nunes)


(Pingo, Mauricio, Renato, Gamarra, Ríncon, Márcio Costa, Nenê, André Santos, Vampeta e Silvinho. Agachados: Fernando Baiano, Mirandinha, Amaral, Ricardinho, Índio, Marcelinho Carioca e Edilson.)


Na Libertadores, mesmo superior, o Timão acabou sendo eliminado pelo Palmeiras nos penaltis nas quartas-de-final, após vencer por 2 x 0 no tempo normal.






No Brasileirão, mesmo sem Gamarra e Silvinho, que foram para o futebol europeu, e Wanderley Luxemburgo, que assumiu a Seleção Brasileira, o Corinthians agora sob o comando de Oswaldo de Oliveira, ficou mais forte ainda. Além de manter a base de 1998, chegaram o goleiro Dida, e o atacante Luizão. O time liderou o Campeonato de ponta a ponta. Depois de eliminar o Guarani nas quartas-de-final, e o São Paulo nas semifinais,  o Timão chegou a final contra o Atlético Mineiro, com a vantagem de jogar a segunda, e terceira partida, caso houvesse necessidade,  em casa. Após perder a primeira partida em Belo Horizonte para o Atlético Mineiro (2 x 3), recuperou-se ao vencer no Morumbi por (2 x 0). Na terceira e última partida, um empate por (0 x 0) garantiu ao Timão seu terceiro título de melhor do Brasil.


(Gilmar Fubá ao lado de Ricardinho)



E para fechar com chave de ouro o ano de 1999, a garotada do Timão fatura mais um título da Copa São Paulo de Futebol Juniores. Nota-se na foto, a presença de vários jogadores que ganharam títulos importantes, e viraram ídolos no time principal de vários clubes do Brasil e do Exterior.


(Em pé: Yamada, Marcelo, Rodrigo, Anderson, Edu Gaspar, Wágner, Waldir e Renato. Agachados: Andrézinho, Fernando Baiano, Kléber, Índio, Gil, Pingo, Gilmar, Ricardinho, Danilo e Éwerton.)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

AS PELOTAS DOS CENTENÁRIOS DO CORINTHIANS

Além de todas as glórias já alcançadas em sua centenária trajetória, o Corinthians continua sendo o único time Paulista detentor de 2 Títul...