segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

O JOGO Nº1 DO CORINTHIANS NO BRASILEIRÃO

Apesar das recentes ações de Clubes reinvindicando títulos perdidos no tempo, já que atualmente não conseguem grandes trunfos dentro das 4 linhas, o atual Campeonato Brasileiro de Futebol teve início oficialmente em 1971. Antes disso, entre 1959-1968, os Campeões Estaduais disputavam um torneio que iria indicar o representante brasileiro para a Copa Libertadores das Américas, a Taça Brasil. Paralelamente teve início uma outra competição, o Robertão, ou Taça de Prata, que foi disputado entre 1967-1970.
Após várias polêmicas e desmandos, foi criado o Campeonato Brasileiro, que em 1983 foi chamado de Taça de Ouro,e em 1987 de Copa União.
O primeiro jogo do Corinthians no Campeonato Brasileiro atual, foi no dia 7 de agosto de 1971 contra o Santa Cruz (PE) na Ilha do Retiro. O Timão venceu por 4 x 1 com gols de Rivellino, Tião, Vaguinho e Mirandinha.


(Sidnei, Luis Carlos, Baldochi, Pedrinho, Zé Maria e Tião; Vaguinho, Mirandinha, Adãozinho, Aladim e Rivellino.)

sábado, 26 de fevereiro de 2011

CRAQUES DO PASSADO - CARLITO "O TURCO"

O Paulista de Ribeirão Preto, Carlos Kreberger, começou sua trajetória no Timão em 1932 vindo da Ponte Preta de Campinas. No ano em que chegou ao clube, encontrou um Corinthians ainda abalado com a debandada geral de seus principais jogadores para a Lázio da Itália no ano anterior. Seu jogo de estréia foi no dia 8 de maio de 1932 contra o Santos na Vila Belmiro. Naquele dia o Timão foi goleado por 7 x 1.
Campeão Paulista invicto em 1937, Carlito teve uma participação decisiva na partida que decidiu o Título Paulista de 1938.
 Corinthians  e São Paulo entraram em campo no dia 23 de abril de 1939 para disputar ainda o título do campeonato de 1938. Para o Timão, bastava um empate para garantir o Bicampeonato. O jogo  acabou sendo disputado em dois dias devido ao temporal que caiu na cidade de São Paulo, interrompendo a partida aos 21 minutos do primeiro tempo quando o placar do jogo marcava a vitória parcial do São Paulo por 1 x 0. Dois dias depois, mais precisamente no dia 25 de abril lá estavam novamente os dois times para disputar os 69 minutos restantes.O meia-esquerda Carlito, marcou,  aos 20 minutos do segundo tempo,  o gol que deu ao Timão o Bicampeonato Paulista, e de forma invicta. Os são-paulinos como sempre, reclamaram que o gol tinha sido feito com a mão, mas o juíz da partida, Cardoso de Almeida validou o gol.
Carlito disputou 103 jogos e marcou 39 gols em sua passagem pelo clube.


quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

CRAQUES DO PASSADO - GIBA MANIAES

Paulista de Cordeirópolis, Antônio Gilberto de Souza Maniaes, o Giba, chegou ao Timão em 1989, vindo do Guarani de Campinas. No início de sua carreira como profissional atuando pelo Independente de Limeira, Giba atuava como volante . Seu técnico na época, Galdino Machado resolveu transforma-lo em lateral-direito, posição que abraçou e se destacou.
Sua estréia no Corinthians foi em 5 de março de 1989 contra o XV de Jaú em jogo válido pelo Paulistão daquele ano.
Contratado para ocupar a vaga deixada por Édson Boaro, e que vinha sendo preenchida pelo coringa Wilson Mano, Giba foi logo tomando conta do recado.
Dono de um chute poderoso e certeiro, Giba era um jogador que marcava bem,e gostava de ir ao ataque constantemente.
Campeão Brasileiro em 1990, foi convocado para defender a Seleção Brasileira em algumas oportunidades.
Em 1993 após sofrer uma lesão no joelho, e uma cirúrgia dita mal sucedida, encerrou precocemente sua carreira aos 30 anos.
Como jogador, Giba atuou em 211 jogos, e marcou 17 gols com a camisa corinthiana
Em 1995 iniciou sua carreira como treinador no Lousano/Valinhos, passou por diversos clubes do futebol Brasileiro, como Santos, Guarani, Portuguesa, São Caetano, Fortaleza, Remo, Joinville, Paulista de Jundiaí e do exterior , Kuwait SC.  
Acometido por uma doença rara, veio a falecer dia 24 de junho de 2014 aos 52 anos em São Paulo.
O futebol está de luto.

(Campeão Brasileiro em 1990)

(Hoje em dia como Técnico)

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

ANDERSON SILVA O "SPIDER" É FISSURADO PELO CORINTHIANS

O maior lutador da atualidade de MMA, e detentor do cinturão do UFC há 4 anos, Anderson Silva se declarou "fissurado" pelo Timão, e fã do agora ex-jogador Ronaldo "Fenômeno".
Em sua última luta, contra o também brasileiro Vitor Belfort, Anderson após nocautea-lo, vestiu a camisa do Corinthians para comemorar a vitória ainda dentro do ringue.
Anderson é o primeiro atleta agenciado pela empresa de Ronaldo, a 9ine.


segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

GRANDES ÍDOLOS - LANCE

O paulista Ernesto Luís LANCE chegou ao Timão em 1971, vindo da Ferroviária de Araraquara.
Sua estréia foi na derrota por 2 x 1 contra o Grêmio Catanduvense(SP) em amistoso realizado no dia 12 de dezembro de 1971.
Seu gol mais lembrado, foi na final do Torneio Laudo Natel em 1973, quando marcou o gol do Título na vitória por 2 x 1 diante o Palmeiras.
Em 1975 contra o Fluminense no Maracanã, Lance seria expulso injustamente, acusado de ter agredido o bandeirinha , e condenado a 10 meses longe dos gramados.
Em 1977 conquistaria o Título Paulista após 22 anos de fila.
Após 207 jogos e 38 gols, despede-se do Timão, e vai para o Coritiba (PR).
Lance encerrou sua carreira em 1981 no Santo André (SP), e hoje atua como empresário no ramo de Jóias na cidade do ABC.

(Lance disputando a bola com o zagueiro palmeirense Luis Pereira, e sob os olhares de Alfredo Mostarda e Vaguinho na final do Torneio Laudo Natel em 1973)

CRAQUES DO PASSADO - JACENIR

O carioca Jacenir Silva chegou ao Timão em 1986, vindo do Joinvile (SC) com a díficil tarefa de ocupar a vaga da lateral-esquerda deixada por Wladimir após 15 anos. Sua estréia foi na goleada de 4 x 0 imposta sobre o Guarani de Campinas em jogo válido pelo Paulistão daquele ano. Apesar da boa estréia, sua primeira passagem no clube não foi satisfatória, sendo emprestado ao Atlético Paranaense em meados de março 1987 após ter disputado apenas 66 jogos.
Retornaria ao Corinthians em 1990 para ser Campeão brasileiro. Com essa conquista inédita ,  Jacenir entrou definitivamente para a história do clube .
Em 1992, após 214 jogos com o manto alvinegro, é vendido para a Portuguesa (SP).
Encerrou sua carreira no time americano do Atlanta Silverback, onde reside até hoje.


domingo, 20 de fevereiro de 2011

CRAQUES DO PASSADO - HÉLIO FERREIRA LEITE

O mineiro de Juíz de Fora Hélio Ferreira Leite estreou no Timão em 24 de junho de 1944 no empate de 2 x 2 contra o Ypiranga (SP) em jogo válido pelo Paulistão daquele ano.
Aos poucos foi ganhando espaço no time titular. Em 1946 assume definitivamente o posto deixado vago com a aposentadoria de Brandão, formando a partir de então a linha média da equipe ao lado de Palmer e Aleixo. Em julho de1948, com a demissão do Técnico Gentil Cardoso após a derrota para o Santos por 3 x 2, acabou assumindo interinamente por 3 partidas o comando da equipe ao lado dos também jogadores Claúdio e Servílio, até a chegada do novo técnico, Joreca.
Sua última partida com a camisa corinthiana foi na vitória de 4 x 1 contra a Ferroviária de Assis, em jogo amistoso realizado na cidade de Assis em 15 de maio de 1951.
Ao todo foram 222 jogos e 8 gols no período entre junho de 1944 e maio de 1951.


segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

GRANDES ÍDOLOS - RONALDO FENÔMENO

Chegou ao fim a carreira de um dos maiores jogadores da história do futebol mundial. Hoje, dia 14 de fevereiro de 2011 às 13 horas, Ronaldo anunciou oficialmente sua aposentadoria dos campos de futebol.
Sua história no Corinthians começou em 2008. Apesar das especulações que rondavam os bastidores futebolístico do país, poucos acreditavam na vinda do Fenômeno para o Timão. Flamenguista declarado, sua ida para à Gávea já era dada como certa. O Timão que tinha acabado de retornar à elite do futebol brasileiro, corria por fora nas negociações para trazer o jogador. No dia 9 de dezembro, o site oficial do clube anunciava a contratação do craque. No dia 12 de dezembro de 2008, Ronaldo foi oficialmente apresentado como o mais novo reforço do Corinthians. Durante o festejo, Ronaldo falou para a Fiel “ Agora sou mais um louco nesse bando de loucos”. De imediato o Fenômeno caiu nas graças da Fiel.



Sua estréia foi no dia 4 de março de 2009 contra o Itumbiara em jogo válido pela Copa do Brasil. Ronaldo jogou apenas 27 minutos, e teve uma atuação apagada.

No dia 8 de março contra o Palmeiras em Presidente Prudente, o Fenômeno que havia entrado apenas no segundo tempo, fez o gol de empate nos acréscimos, levando a torcida à loucura, e literalmente trazendo o alambrado para baixo.

Na final do Paulistão contra o Santos na Vila Belmiro, o Fenômeno marcou 2 golaços em cima do goleiro Fábio Costa na vitória por 3 x 1, levando o Timão ao Título invicto do campeonato.

Em julho, após uma vitória e um empate na final contra o Internacional(RS), ajudou o Timão a conquistar a Copa do Brasil de 2009, garantindo assim a vaga para a Libertadores de 2010.

Após essas duas conquistas, em um jogo contra o Palmeiras, Ronaldo sofreu uma fratura na mão logo no início da partida. Começava ai o seu calvário de contusões e problemas com o preparo físico.

Iniciou o ano de 2010, o do Centenário do clube, preparando-se para a Libertadores da América, sonho de consumo da nação corinthiana. Após passar pela 1ª fase de maneira impecável, acabou sendo eliminado precocemente pelo Flamengo nas 8ª de final, dando o fim ao sonho de conquistar o título no ano do centenário.


No campeonato brasileiro, pouco atuou devido às contusões e sobrepeso, atuando apenas nos jogos finais. Apesar de ter perdido o título nos últimos jogos, garantiu uma vaga na pré-libertadores de 2011.

Nos jogos contra o Tolima (COL), mais uma vez o Timão teve sua participação na Libertadores precocemente encerrada .

Após esse episódio, a crise estourou pelos lados do Parque São Jorge, inclusive com invasões e ameaças de torcedores que pediram sua saída do Time.

Após 2 títulos, 69 jogos e 35 gols com a camisa do Timão, o Fenômeno decide encerrar sua gloriosa carreira.

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

GRANDES ÍDOLOS - ADÃO AMBRÓSIO "ADÃOZINHO"

Mineiro de Mariana, Adão Ambrósio, o Adãozinho, começou sua carreira profissional no Timão em 1971. Já em seu primeiro ano no time principal, marcou um gol antológico no goleiro palmeirense Leão a uma distância de 40 metros, na vitória de virada por 4 x 3 sobre o rival palestrino. Apesar de ser uma jovem promessa, o meia-esquerda habilidoso não conseguiu se firmar no time devido as seguidas contusões que o acompanharam durante a carreira.
Adãozinho ficou no clube a tempo de conquistar o Título Paulista de 1977, tendo inclusive participado do lance em que resultou no gol de Palhinha na 1ª partida das Finais.
Sua última partida pelo Timão foi em 24/06/78 na derrota de 3 x 0 para o Sport (PE) em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro.
Adãozinho defendeu ainda o Coritiba(PR) em 1980/81, o Rio Negro(AM) em 1982, e encerrou sua carreira em 1983 defendendo a Portuguesa Santista (SP)
Em 2010 foi submetido a um transplante renal devido a complicações causadas pelo diabetes.
Ultimamente trabalhava em um projeto para crianças carentes na Secretaria Municipal de Esportes de São Paulo.
Adãozinho disputou 252 partidas, e marcou 17 gols com a camisa corinthiana.
Infelizmente, no dia 12 de junho de 2011, Adãozinho falece, deixando de luto a nação corinthiana.


(Sendo entrevistado)



(No Maracanã, enfrentando Rivellino)

(Recentemente, ao lado de Zé Maria e Amaral)

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

WILLIAM MORAES - NOTA DE FALECIMENTO

Faleceu vítima de assassinato, o jovem atacante do Timão William Moraes de 19 anos. Segundo relatos, o jogador foi assassinado após reagir a um assalto na saída de uma festa em Santa Terezinha, zona oeste de Belo Horizonte. Ontem dia 6 de fevereiro, vários jogadores do Timão, entre eles Bruno César, Dentinho, Chicão ,Ralf, etc compareceram ao velório para prestar as últimas homenagens ao ex-companheiro. O enterro está  marcado para as 16 horas desta segunda-feira 7 de fevereiro  no Cemitério Santo Antônio.

                                                           Foto: Marcos Bezerra/Futura Press

Após se destacar na Copa São Paulo de Juniores, William Moraes teve sua primeira oportunidade no time profissional com o Técnico Mano Menezes. Ao todo atuou em 10 partidas, e marcou 3 gols. Sua última partida pelo Timão foi na vitória por 1 x 0 contra o Palmeiras em jogo válido pelo Brasileirão de 2010.
Em janeiro de 2011 foi emprestado ao América (MG) para disputar os campeonatos Mineiro e Brasileiro.



sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

AS CONTRATAÇÕES DO CORINTHIANS PARA O ANO DE 2011

O Timão começou o ano de 2011 da pior maneira possível. Eliminado na fase Pré-Libertadores, agora deverá direcionar seu foco para os Campeonatos Paulista e Brasileiro. Para isso trouxe de volta alguns jogadores que em 2010 não foram aproveitados e acabaram sendo emprestados. Jogadores como Edno, Morais, Diego, Marcelo Oliveira estão novamente a disposição do Técnico para ajudar o clube nessas competições. Outros jogadores também foram contratados, como o Lateral-esquerdo Fábio Santos, o zagueiro Wallace, o meia-atacante peruano Luis Ramirez, o atacante William e o também atacante Liédson, que retorna ao Timão após 7 temporadas em Portugal.
Espero que não fique apenas nesses jogadores, e que a diretoria se prontifique a trazer outros nomes que venham a somar .


(Fábio Santos)

(Wallace)

(William e Luis Ramirez)

(Liédson)



AS PELOTAS DOS CENTENÁRIOS DO CORINTHIANS

Além de todas as glórias já alcançadas em sua centenária trajetória, o Corinthians continua sendo o único time Paulista detentor de 2 Títul...