quarta-feira, 7 de julho de 2010

GRANDES ÍDOLOS - VAMPETA

Contratado junto ao PSV Eindhoven da Holanda a pedido do Técnico Luxemburgo, Vampeta chegou ao Timão em 1998 para ocupar a Lateral-direita do time. Logo de cara, Luxemburgo viu que ele seria muito mais eficiente para a equipe, atuando como meia ao lado de Rincón, Ricardinho e Marcelinho Carioca na qual formaria um dos maiores  meio-campo dos últimos tempos.


Seu apelido vem desde a infância, quando ao perder a dentição de leite, ficou parecido com um vampiro, e como era feio que nem o capeta, surgiu então o Vampeta.
Vice-campeão Paulista de 1998, Campeão Brasileiro de 1998, Campeão Paulista de 1999, Campeão Brasileiro de 1999 e Campeão Mundial de Clubes em 2000.

Convocado pela primeira vez a Seleção Brasileira em 1999 onde foi Campeão da Copa América daquele ano, Vampeta tornou-se figurinha carimbada nas convocações seguintes.
Em 2000 retornou à Europa para jogar pela Inter de Milão, e depois pelo PSV.
Em 2001 volto para o Brasil para defender o Flamengo do Rio, onde soltou uma de suas inumeras pérolas 
 " Eu fingia que jogava, e o clube fingia que me pagava".

Retornou ao Timão em 2002, onde dirigido por Carlos Alberto Parreira faturou a Copa do Brasil, o Rio-São Paulo, e foi Vice no Brasileirão.
Convocado por Felipão para a Copa de 2002, foi Pentacampeão.
Ao retornar ao País e ser recebido pelo Presidente da República, Vampeta protagonizou uma das cenas mais hilárias, ao sair rolando pela rampa diante de toda nação Brasileira que acompanhava ao vivo pelas televisões do País.

Em 2003 foi novamente Campeão Paulista, mas durante o Campeonato Brasileiro, diante do Atlético Mineiro, acabou se machucando, ficando parado por 8 meses.
Em 2004, após desentendimento com o técnico Juninho, Vampeta deixa o Timão.
Em 2007 retorna ao Timão para tentar ajudar o time no Brasileirão, mas acaba rebaixado junto com a equipe para a série B.
Foram 248 jogos e 17 gols com o manto alvinegro.
Em 2008 encerrou sua carreira de jogador
Em 2010 assumiu o time do Nacional como Técnico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.