sábado, 20 de março de 2010

GRANDES ÍDOLOS - SERVÍLIO DE JESUS "O BAILARINO"

Durante uma excursão à Bahia, onde o Timão alcançou grande sucesso, o técnico Del Debbio deparou-se diante um negrinho, que apesar de não saber cabecear, controlava a bola como bem entendia, chutava com grande violência e era um perigo dentro da área. Procurado durante o dia seguinte após o jogo, foi encontrado na praia de amaralina, lugar que sempre frequentava. Servílio quase desmaiou de emoção ao receber um convite para vir jogar no Corinthians. E lá mesmo na praia, em cima de uma pedra, assinou um compromisso de vir jogar no Clube de Parque São Jorge, dependendo posteriormente de uma decisão da diretoria de seu clube. O Corinthians pagou 30 mil cruzeiros pelo passe e contratou o craque.
 Servílio de Jesus chegou para ocupar a meia-direita do ataque corintiano, jogando ao lado de seu cumpadre Teleco. Foi o artilheiro do Campeonato paulista em 1945 (17 gols), 1946 (19 gols) e 1947 (20 gols)  Jogou no Timão entre 1938-1949. Ganhou o apelido de "Bailarino" pela beleza de seu jogo. Encerrou sua carreira no Ypiranga.

(Servílio)


(Estréia de Baltazar no Timão em 1945, ao lado de Servílio)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.